MINERAÇÃO: NOVIDADE NA ÁSIA

vale-noticia-capaA Vale inaugurou um centro de distribuição na Malásia, no sudeste asiático, com aproximadamente US$ 1,37 bilhão investido. O terminal Teluk Rubiah terá capacidade de exportação e importação de 30 milhões de toneladas anuais, e marca um ponto importante para o atendimento da Vale ao seus clientes da região.

O terminal foi construído no Estreito de Malacca, a uma distância de aproximadamente de dez dias dos outros portos da região. O centro de distribuição deve aumentar a competividade da Vale no mercado asiático, já que vai reduzir o tempo de entrega de minério de ferro na região, principalmente no sudeste do continente.

“Teluk Rubiah faz parte da estratégia de negócios da Vale de investir em soluções que visem a melhorar a capacidade da empresa de fornecer minério de ferro de uma maneira cada vez mais eficiente aos mercados asiáticos, aproxima as nossas minas dos nossos clientes na Ásia”, declarou o diretor-presidente Murilo Ferreira (foto).

Um dos principais aspectos do centro de distribuição é a sua capacidade de trabalhar com diferentes minérios, flexibilizando o fornecimento da Vale no mercado asiático. A empresa estima que cerca de 600 empregos diretos sejam criados com as operações do centro, além de 1.200 indiretos na região.

A companhia vem investindo na Malásia desde 2009 e, desde então, o país vem ganhando importância para suas operações logísticas. Localizada no sudeste asiático, a Malásia tem posição geográfica privilegiada, uma vez que se situa em região favorável ao tráfego marítimo, e está próxima dos grandes países consumidores do minério produzido pela Vale, como a China.

Deixe um comentário

*